Troca filtro óleo - Lubrificante & Cia

Ir para o conteúdo

Troca filtro óleo

Filtro de óleo

Função – São desenvolvidos para eliminar impurezas como partículas de metal geradas pela fricção das peças móveis do motor, além de partículas derivadas da combustão. O contato das peças internas do motor, como pistões, podem deixar impurezas. Aí entra a importância do filtro.
Prazo de troca – Até 10 anos atrás falava-se que o filtro de óleo poderia ser trocado a cada duas ou três trocas de óleo. Muitas montadoras aconselham a troca do filtro sempre junto com o de óleo, geralmente entre 10 mil e 15 mil quilômetros.
O que pode acontecer – Filtro vencido vai deixar partículas para o motor que vão danificar peças como pistões, cilindros, anéis, válvulas e mancais. E, em casos extremos, podem fundir o motor.

O filtro de ar

é um equipamento composto por um corpo metálico ou plástico cujo interior possui o elemento filtrante do ar aspirado pelo motor antes de ser usado na mistura da combustão.
Sua principal função é filtrar impurezas presentes na atmosfera como pólen, fuligem e partículas de sujeiras, que poderiam eventualmente ou a longo prazo causar danos ao motor, além de proporcionar explosões menos consistentes.
Sua aplicação se dá em qualquer tipo de motor a explosão ou aparelhos de admissão de ar, aplicando-se por tanto também em equipamentos como compressores, condicionadores de ar, geradores e sendo por isso utilizado em aeronáutica, embarcações e trens.
O filtro de ar influencia diretamente no desempenho e potência do motor bem como sua durabilidade, pois é ele responsável pela aquisição de uma das misturas para o motor (ar), se o filtro tiver dificuldade para proporcionar uma quantidade necessária devido ao acúmulo de impurezas após longo período de uso, o motor trabalhará com menor desempenho e consumirá mais, porém se o filtro liberar demasiadamente a quantidade de ar, o motor trabalhará com explosões fracas de mistura.1 Um filtro de ar de qualidade é capaz de reter partículas extremamente pequenas, de até diâmetro de vinte mícrons ou menos.
Deve ser efetuar a troca do elemento regularmente, em automóveis a frequência varia de acordo com o motor e a recomendação do fabricante, normalmente de oito a quinze mil quilômetros em atividade normal, podendo esse número cair em condições de uso, como trilhas, ambiente muito empoeirados ou arenosos.2 O elemento do filtro de ar é um componente relativamente barato, mas pode ser o responsável por danos de alto custo ao motor pela negligência de sua substituição dentro das especificações indicadas pelo fabricante

Filtro de combustível

Função – É responsável por atacar as impurezas do álcool ou da gasolina antes do combustível queimar. Fica entre o tanque e o motor para evitar que partículas acumuladas durante o transporte e armazenamento, como pó, ferrugem, água e sujeira no tanque do veículo cheguem à bomba de combustível e ao bico injetor.
Prazo de troca – Em média é recomendado pelas montadoras entre 10 mil e 15 mil quilômetros
O que pode acontecer – Filtro de combustível vencido ou danificado pode comprometer a bomba de combustível e sujar o sistema de injeção, especialmente os bicos injetores. Isso pode provocar falhas e afeta o rendimento.

Filtro de ar condicionado

Função – Filtra o ar que vem da rua para dentro dos carros com ar condicionado e retira odores.
Prazo de troca – Não há prazo de troca por quilometragem. Vai depender de como o motorista usa o carro. Se anda mais em engarrafamentos, por exemplo, o filtro terá duração menor. Por isso, é fundamental a checagem periódica, pelo menos a cada 20 mil quilômetros.
O que pode acontecer – O filtro vencido ou estragado não impede a entrada de impurezas e cheiros da rua no carro. Além do cheiro, o filtro velho pode impedir o fluxo de ar.

Avenida Campinas, 500
Cidade Jardim - Limeira-SP
Fone: (19) 3444-4630
Nextel: (19) 7814-4473 - 89*163284
e-mail: vendas@lubrificantecia.com.br
Website: www.lubificantecia.com.br

Voltar para o conteúdo